Comprando um Galaxy S9 nos Estados Unidos

A Samsung finalmente apresentou seus novos flagships: Galaxy S9 e S9 Plus. O evento ocorreu em meio ao Mobile World Congress 2018, no último domingo, 25 de fevereiro. A seguir, os segredos de como importar Galaxy S9 dos EUA.

O objetivo principal deste artigo é sanar as dúvidas de quem pretende importar Galaxy S9 e S9 Plus de países como Estados Unidos. Os EUA é o lugar preferido dos brasileiros para importar flagships da Samsung e Apple. Porém, muitas pessoas ainda tem dúvidas se todo o processo realmente vale a pena.

Portanto, decidimos reunir as principais dúvidas de como importar Galaxy S9, seja pela internet ou mesmo numa possível viagem. Afinal de contas, independente da lista de cada turista, smartphones como Galaxy S9 e até mesmo os concorrentes iPhone 8 e iPhone X, sempre estão no topo.

Mas antes de contarmos todos os detalhes dessa prática e se vale ou não a pena importar Galaxy S9, vamos conhecer o monstrinho:

Galaxy S9 e Galaxy S9 Plus

Embora mantenha basicamente o mesmo design do antecessor. O novo flagship da Samsung esbanja tecnologia e traz nada menos que o provável processador mais rápido do mundo: Snapdragon 845, criado pela Qualcomm.

As telas de 5,8 polegadas (S9) e de 6,2 polegadas (S9 Plus) foram construídas com resoluções de 2960 x 1440 pixels e display mais brilhante na relação com a geração anterior, segundo a Samsung. Temos ainda a diferença de memória, que para o S9 é de 4 GB, enquanto que para o S9 Plus é de 6 GB.

A grande notoriedade se dá na câmera, que segundo a Samsung é o principal destaque da nova geração. Temos uma câmera inteligente de 12 megapixels com abertura variável de f/2.4 a f/1.5, capaz de se adaptar às condições de luz. Na prática, isso significa um aumento de 30% na captação de luz.

A versão Plus traz um jogo de câmera dupla composto por uma lente grande angular, capaz de capturar muito mais elementos. Já a teleobjetiva permite efeitos de borrão em modo retrato. Ambos smartphones trazem a mesma câmera frontal de 8 megapixels e abertura f/1.7.

Outras novidades incluem: um sistema de áudio turbinado, Bluetooth 5.0, um modem mais veloz capaz de acessar redes como o 4G Plus, além de um recurso de realidade aumentada batizado por “AR Emoji” que pode ser usado em apps, como WhatsApp e Facebook Messenger.

Disponibilidade e onde comprar o Galaxy S9 e S9 Plus

Os novos Galaxy S9 e S9 Plus foram anunciados por valores a partir de US$ 720 (cerca de R$ 2.332,80) e estarão disponíveis na loja oficial da Samsung, além das maiores lojas virtuais e gigantes do varejo americano já em 16 de março. Algumas lojas virtuais como BestBuy, Amazon, Walmart e Target serão as primeiras a receber os flagships.

No Brasil, o lançamento oficial ainda não tem data prevista. Porém não deve demorar muito, já que em 2017, os antecessores Galaxy S8 e S8 Plus chegaram às lojas brasileiras apenas 3 semanas após o lançamento nos Estados Unidos, com valores entre R$ 3.999 a R$ 4.399.

Sabendo disso, é provável que os Galaxy S9 e S9 Plus custem basicamente os mesmos valores, já que o valor do Galaxy S8 também era de US$ 720 em seu lançamento.

Existem duas formas de importar Galaxy S9 e S9 Plus: comprando pela internet, de lojas virtuais como Amazon, eBay, BestBuy e etc… ou aproveitando uma viagem de férias/trabalho aos Estados Unidos. Independente da sua escolha, eis as principais dúvidas e dicas que você precisa saber.

Importar Galaxy S9: como comprar nos Estados Unidos

Antes de mais nada, é importante dizer que qualquer importação exige custos extras, que podem ser maiores ou menores dependendo da loja e frete escolhidos.

Se você comprar da loja virtual Amazon, por exemplo, pagará o valor do smartphone + taxas do estado estadunidense + extra para o redirecionamento da sua encomenda. Não sabe o que é redirecionamento?

Redirecionamento é um serviço que garante a entrega de produtos de lojas virtuais que não enviam diretamente para o Brasil, como é o caso da Amazon e BestBuy. Entenda melhor todos os detalhes de logística e custos desse processo clicando aqui.

Independente da compra ser virtual ou física, solicite ao vendedor a versão “unlocked international version” do Galaxy S9 e S9 Plus. Do contrário, o flagship pode vir bloqueado, mesmo o vendedor da loja virtual/física garantindo que não.

Se você importar o Galaxy S9 pela internet, o prazo de entrega pode variar de 15-60 dias (dependendo do frete contratado). Para compras físicas, você retira o celular na hora, com o próprio vendedor da Samsung Store.

O preço total para importar Galaxy S9

Antes de revelar o possível valor do Galaxy S9, é importante destacar que a principal diferença entre importar Galaxy S9 e S9 Plus em viagem ou pela internet se dá basicamente no fato de não ter que pagar os impostos de importação de 60% sobre o valor do smartphone.

Dito isto, vejamos os possíveis valores que pagaríamos ao importar o Galaxy S9, seja pela internet, no conforto da nossa casa, seja em viagem de férias/trabalho aos Estados Unidos.

Em simulação, uma compra do Galaxy S9 pela internet sairia R$ 2.332,80 (US$ 720) + os 60% dos impostos, o que totaliza o valor do Galaxy S9 em R$ 3.881,31 (R$ 2.332,80 + R$ 1.548,51 de impostos).

Essas taxas cobradas pela importação de smatphones são quase certas quando compramos celulares pela internet, ainda mais quando se trata de marcas como Samsung e Apple.

Já em viagem, pagaríamos somente o valor do smarphone. Ou seja, os R$ 2.332,80 do Galaxy S9. A carga extra advinda dos impostos de importação não se aplica aqui porque o smartphone entra no Brasil qualificado como item pessoal. Porém, é necessário que você viaje sem smartphone.

Vale a pena importar Galaxy S9?

É importante lembrar que estamos trabalhando com valores para as marcas mais visadas de smartphones, como é o caso da Samsung e Apple. Neste caso, a tributação tem grandes chances de acontecer e pode sim tornar a economia do produto ligeiramente sútil.

Agora se você está viajando para os EUA, a história é outra. Afinal de contas o valor total pago pelo Galaxy S9 seria de apenas R$ 2.332,80, quase metade do valor esperado para o mercado brasileiro, que deve ultrapassar os R$ 4.000.

Ou seja, você consegue pagar seu Galaxy S9 e sua passagem para os EUA com o dinheiro do Galaxy S9 vendido nas lojas brasileiras. Fora que, se você vender seu Galaxy antigo no Brasil, em apps de desapego como OLX e Enjoei, pode conseguir grande parte do valor do Galaxy S9.

E mesmo que importar Galaxy S9 pela internet não pareça muito atrativo, precisamos aguardar a divulgação dos preços do Galaxy S9 para o mercado brasileiro, para assim poder considerar se realmente vale a pena importar o smartphone pela internet agora, em seu lançamento.

Mais conteúdo sobre smartphones e tecnologia?

Basta clicar aqui.

Comentar

William Pompeo

Web designer gaúcho que adora novidades, apaixonado pela tecnologia e por tudo que ela possa oferecer. Idealizador e editor do site ComprasImportadas.com

E-mail YouTube Instagram Facebook Twitter

Publique seu comentário também no Facebook!

3 Comentárioss em "Comprando um Galaxy S9 nos Estados Unidos"

  1. Entendi, entao irei comprar pela amazon e me atentar a pegar a versão desbloqueada. Muito Obrigado pela atenção e pela resposta amigo.

  2. Amigo eu quero comprar um S9 e pedir pra entregar em Orlando na casa da minha tia pra ela trazer pra mim aqui no Brasil. Sabe me dizer qual melhor site pra comprar AMazon.com ou da Samsung.com ? e ouvi dizer que quando compra la tem que fazer uma ligação de 5 minutos pra ativar as operadoras aqui do Brasil isso procede ? Obrigado.

    • Olá Bryan, tudo bem? Não. Basta que você escolha a versão unlocked que todas as operadoras brasileiras funcionarão. Tanto a Amazon quanto a Samsung possuem a versão desbloqueada. Então vai depender do tempo estimado da entrega. Se houver fila de espera para a cor que tu desejas, pode optar por comprar na Amazon. Abraço!

Comente isso

Seu e-mail não será publicado.


*