iPhone 13 vale a pena? 8 meses pós lançamento! Análise/Review

E depois de algumas semanas testando o badalado iPhone 13, entregamos a você uma análise super completa com direito a teste de desempenho e câmeras.

Mas, será que mesmo após 8 meses do lançamento esse aparelho ainda vale a pena?

Descubra agora em nossa análise completa:

iPhone 13: design e construção

Que a Apple é uma marca que aposta em beleza e resistência todo mundo já sabe, por isso o iPhone 13 combina um design super elegante com a poderosa proteção Ceramic Shield.

E se você está pensando que esse aparelho é bem parecido com os demais, você não está errado.
Os iPhone têm um design preestabelecido, mas esse modelo tem a proposta de garantir conforto ao usuário, por isso é ligeiramente menor e mais fino demais, pesando apenas 174 gramas.

Mas apesar de ser um dos smartphones mais leves da atualidade, o iPhone 13 também tem seus pontos negativos, como o fato de trazer uma gaveta única para chip.

Além disso, ele não conta com um saída de 3.5mm para fones de ouvidos convencionais, o que pode ou não interferir na sua escolha.

Por fim, ele também não possui um leitor biométrico, porém, felizmente, o desbloqueio facial é super rápido em qualquer condição de luz.

iPhone 13: tela

O iPhone 13 traz uma tela Super retina OLED XDR de 6.1 polegadas que conta com várias tecnologias, inclusive a HDR10.

Ele também traz o recurso True Tone, uma tecnologia super avançada que regula a iluminação da tela de acordo com a luminosidade do ambiente para diminuir o esforço dos olhos.

Além disso, essa tela conta com uma excelente taxa de brilho de 1200 nits, então não temos dificuldade para enxergar em ambiente claros ou sob luz solar intensa.

E apesar de ter uma tela do mesmo tamanho da geração passada, o iPhone 13 tem uma taxa de aproveitamento de 86%, o que dá a impressão de um espaço maior.

Sobre cores, ele traz 460 ppp, por isso temos imagens super nítidas e cores muito bonitas.

Mas, infelizmente, nem tudo são flores quando se trata da tela do iPhone 13.

Por algum motivo desconhecido, esse smartphone top de linha traz apenas 90Hz de taxa de atualização, ou seja, essa é uma tela mais lenta do que as concorrentes da mesma faixa de preço.

Essa lentidão não chega a atrapalhar o uso do aparelho, mas pode irritar quem espera um “desempenho” melhor para um produto desse preço.

iPhone 13: hardware e software

E já que falamos de desempenho, bora falar de hardware e software!

O iPhone 13 traz o melhor processador que a Apple já lançou, o poderoso A15 Bionic de 5 nm.

Com 15 bilhões de transistores e seis núcleos, esse processador é 50% mais rápido do que o dos concorrentes, enquanto a placa gráfica 4-Core oferece visuais 30% melhores.

Esse casamento de hardware e software entrega um desempenho extremamente rápido para o uso diário, sem travar em nenhum momento mesmo com diversos aplicativos abertos.

Além disso, esse smartphone é perfeito para o público gamer, já que foi capaz de rodar liso todos os jogos da atualidade como o Genshin Impact, inclusive quando usamos a melhor configuração possível.

iPhone 13: bateria

O iPhone 13 tem uma bateria de 3.265 mAh super econômica que foi capaz de entregar 7 horas consecutivas de jogos com brilho em 50%.

Vale ressaltar que o teste foi feito com a melhor resolução possível, por isso esse foi um bom resultado.

iPhone 13: câmeras

O iPhone 13 traz um ótimo conjunto de câmeras onde o destaque fica para uma lente principal de 12MP com abertura de f/1.6.

Isso significa que entra bastante luminosidade durante os cliques, o que é bom em situações de baixa luz. Porém essa não é uma abertura tão boa assim, então algumas fotos podem ficar devendo detalhes.

Conjunto de câmeras traseiras:

12MP, f/1.6, 26mm (wide)
12MP, f/2.4, 119º, 13mm (ultrawide)

Recursos:

Dual-LED, Dual-Tone Flash, HDR (photo/panorama)

Gravação:

4K@24/30/60fps
1080@30/60/120/240fps (HDR/Dolby Vision HDR)

Câmera frontal:

12 MP, f/2.2, 23mm, gyro-EIS (wide)
SL 3D, (depth/biometrics sensor)

Gravação:

4K@24/25/30/60fps
1080@30/60/120fps

Confira as fotos tiradas com o iPhone 13:

Impressões do teste fotográfico

Durante nosso teste fotográfico pudemos notar que o iPhone 13 entrega cores bem naturais, sem muita saturação, e ainda temos um controle de exposição a luz que não distorce a luz real.

Aqui, a grande surpresa ficou por conta do efeito HDR que entregou muita harmonia entre zonas claras e escuras, o que revela um pós-processamento fotográfico muito eficiente.

As selfies também são muito boas e entregam um bom nível de detalhamento, mesmo quando há grande exposição à luz.

Já as fotos noturnas são claras na grande maioria dos cliques e não há distorção de cores ou excesso de pontos brancos por parte do software, o que é ótimo. Porém, considerando o valor do aparelho, esperávamos fotos melhores e mais claras, tanto nos cliques noturnos quanto nos diurnos.

iPhone 13: vale a pena?

O iPhone 13 é um smartphone super elegante e muito resistente que entrega um excelente desempenho, tanto para o uso diário quanto para os jogos mais pesados.

Porém, ele não traz alguns recursos que são esperados em um aparelho tão caro, como a taxa de 120Hz que só está disponível no iPhone 13 Pro.

Por isso, no final das contas, vocês precisam se perguntar se realmente vale a pena pagar tudo isso num smartphone que deve em alguns pontos.

iPhone 13: onde comprar?

O iPhone 13 é encontrado nas lojas virtuais abaixo:
Amazon Brasil
AliExpress
Shopee
Banggood

Confira a resenha completa no canal do YouTube

Comentar

William Pompeo

Web designer gaúcho que adora novidades, apaixonado pela tecnologia e por tudo que ela possa oferecer. Idealizador e editor do site ComprasImportadas.com

E-mail YouTube Instagram Facebook Twitter

No YouTube

https://www.youtube.com/watch?v=95DizMgVI5c
Publique seu comentário também no Facebook!

Seja o primeiro a comentar em "iPhone 13 vale a pena? 8 meses pós lançamento! Análise/Review"

Comente isso

Seu e-mail não será publicado.


*