Razer Phone: o smartphone gamer

A Razer, marca popular entre os gamers, acaba de apresentar o seu primeiro smartphone: o Razer Phone. O anúncio foi feito em um evento realizado dia 01 de Novembro em Londres, no Reino Unido.

Com a promessa de ser um smartphone perfeito para gamers, a Razer construiu um dispositivo poderoso, que traz a última palavra em tecnologia: Snapdragon 835, 8 GB de RAM e uma tela de 5,7 polegadas com resolução 2K LCD IGZO e taxa de atualização em 120 Hz, provida pela tecnologia UltraMotion – a mesma tenologia utilizada na tela do iPad Pro da Apple.

Na prática, isso quer dizer que o Razer Phone é o primeiro smartphone do mundo capaz de sincronizar os sinais da GPU com o display, para acelerar o seu framerate quando o usuário estiver jogando um jogo. Ou seja, na linguagem gamer, ela é capaz de eliminar qualquer tipo de lag.

Além disso, a empresa garante que seu smartphone é a melhor solução em performance térmica entre os modelos com Snapdragon 835 do mundo. Para garantir a supremacia dos games no funcionamento do sispositivo, a Razer criou o Game Booster: uma ferramenta que dedica o desempenho do aparelho e silencia as notificações para garantir a melhor experiência possível.

Mas nada disso seria útil sem uma bateria f***, e a Razer tratou de garantir nada menos que 4.000 mAh para o seu brinquedo. O que significa 7 horas de jogatina garantida. Porém, mesmo que você fique sem bateria, basta conectar o smartphone na tomada, que em apenas uma hora você terá 85% de carga providas pela tecnologia Quick Charge 4+ da Qualcomm.

Porém, nem tudo são rosas, eu como gamer posso dizer que senti falta da identidade da Razer, onde as luzes brilhantes e o logotipo de cobra de três cabeças verde neon estão sempre presentes nos produtos. No Razer Phone, no entanto, vemos apenas um logo cinza tímido na traseira de uma carcaça preta e quadrada que mais lembra um smartphone da Sony.

Na verdade, o Razer Phone foi em grande parte criado pelo time do Nextbit, empresa de design adquirida pela Razer recentemente e que construiu um telefone chamado Robin. Portanto vemos muito do DNA do Robin no Razer Phone: uma carcaça em alumínio bastante fina. Veja algumas fotos:

Outro ponto que provavelmente não agradará é a falta da saída do plugue de 3,5 mm para fones de ouvido, algo que me parece de extrema importância. Afinal de contas muitos gamers possuem essa tecnologia em seus headphones gamers que, vamos combinar, custam uma nota. Contudo, em termos de desempenho, parece que a Razer cumpriu o que prometeu: o primeiro smartphone dedicado para jogos.

Razer Phone: especificações

  • Snapdragon 835
  • tela de 5,7’’ com resolução 2K LCD IGZO com taxa de atualização em 120 Hz
  • RAM de 8 GB
  • Armazenamento de 64 GB + expansão por micro SD
  • Android 7.1.1 (com upgrade garantido para o Oreo 8.0 em 2018)
  • sistema duplo traseiro de câmeras de 2x 12 MP e frontal de 8 MP
  • alto-falantes frontais Dolby Atmos e certificação THX, DAC de 24 Bit
  • peso de 197g e espessura de 8 mm
  • leitor de digitais no botão home lateral

Onde Comprar o Razer Phone

O Razer Phone está sendo vendido nos EUA e Europa por US$ 699. Não se sabe se o smartphone será vendido no Brasil. Portanto se você quiser um, provavelmente terá que comprar em lojas americanas.

Clique aqui para saber todas as dicas de como comprar o Razer Phone nos EUA e receber na sua casa, aqui no Brasil.

Segue abaixo as lojas americanas que estão vendendo o smartphone:
– Amazon
– eBay
– BestBuy

Comentar

William Pompeo

Web designer gaúcho que adora novidades, apaixonado pela tecnologia e por tudo que ela possa oferecer. Idealizador e editor do site ComprasImportadas.com

E-mail YouTube Instagram Facebook Twitter

Publique seu comentário também no Facebook!

Seja o primeiro a comentar em "Razer Phone: o smartphone gamer"

Comente isso

Seu e-mail não será publicado.


*